quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Olho do Coração (Chante Ishta)

Para além do livro que resultou da interacação de Hekaka Sapa com o poeta John Neihardt no início da década de 1930, Alce Negro Fala, deixamos também nota de uma outra obra repleta de ensinamentos espirituais da religião dos Indíos Sioux, tal como transmitidos pelo mesmo Alce Negro a Joseph Epes Brown, duas décadas depois.
 
Aqui fica uma pequena mas profundíssima passagem, bem como o indíce da primeira edição do livro na língua francesa (1953).

 

É o desejo do Grande-Espírito que a luz entre nas trevas para que nós possamos ver não apenas com os nossos dois olhos, mas sobretudo com o Olho único que está no Coração - Chante Ishta - com o qual nós vemos e conhecemos tudo o que é verdadeiro e bom.
 
(em Hehaka Sapa: Les Rites Secrets des Indiens Sioux, Payot, Paris, 1953, p.69)
 
 
 
 
 
 
Table de matiêres:
 
Avant Propos (Joseph Epes Brown)
 
Introduction (Frithjof Schuon)
 
Préface de Hékaka Sapa (Wapiti Noir)
 
I. La Descente de la Pipe Sacrée
 
II. La garde de l'ame
 
III. Le rite de purification
 
IV. Límploration d'une vision
 
V. La danse du soleil
 
VI. L'apparentage
 
VII. Préparation de la jeunne fille aux devoirs de la femme
 
VIII. Le lancement de la balle
 
(ver também The Sacred Pipe: Black Elk's Account of the Seven Rites of the Oglala Sioux, University of Oklahoma Press, 1953)